Psicomotricidade

Crianças que caem com frequência, que tem um equilíbrio empobrecido, que aparentam ser em termos mais leigos “estabanadas ou desajeitadas”, que tem dificuldade em realizar atividades coordenadas com o corpo todo ou movimentos mais finos e precisos com as mãos, que tenham dificuldade em segurar um lápis, chutar uma bula, pular, parecem ter dificuldade na noção de espaço, tempo ou ritmo dos movimentos podem precisar de atendimentos de Psicomotricidade.

A Psicomotricidade trabalha com a concepção de movimento e percepção de corpo integrando os aspectos cognitivos, sensoriomotores e afetivos.
 

Durante o atendimento de Psicomotricidade, utiliza-se circuitos psicomotores, jogos, brincadeiras e estratégias para  desenvolver e aperfeiçoar os movimentos do corpo, a noção e consciência do corpo e espaço, coordenação motora ampla e fina, equilíbrio, dissociação de movimento e o ritmo.
 

A psicomotricidade favorece muito os processos de ensino-aprendizagem, sendo base para um bom desempenho escolar, além de aspectos relacionados a interação social, auto-estima, criatividade, auto-expressão e auto-imagem.
 

Por isso, que uma criança que apresenta habilidades psicomotoras condizentes com a faixa etária em que se encontra, ela terá maior facilidade de perceber e entender o mundo, a realidade em que ela está inserida e a sí mesmo, tendo melhores oportunidades para aprender e se desenvolver.

Benefícios da

Psicomotricidade

  • Desenvolvendo esquema corporal, envolvendo o reconhecimento, movimento e controle de suas partes do corpo;

  • Na lateralidade, estabelecendo dominância em um dos lados do corpo ao nível dos olhos, mãos e pés, sendo que esse lado do corpo que apresenta mais força muscular, rapidez e precisão na hora de executar as atividades;

  • No desenvolvimento da coordenação motora global, como equilíbrio postural, dissociação e combinação de movimentos;

  • Aperfeiçoando a coordenação motora fina e óculo-manual, voltados a movimentos que exijam destreza e habilidade manual;

  • Auxiliando na estruturação espacial e temporal, relacionando movimentos, tempo e sequencia dos mesmos;

  • Desenvolvendo habilidades que facilitarão o desempenho escolar e aprendizagem.