Atrasos  no desenvolvimento

É considerado atraso no desenvolvimento, quando uma criança não atinge alguns marcos de desenvolvimento na idade esperada, já considerando as variações individuais, podendo ocorrer em uma ou mais áreas:

- coordenação motora ampla (sentar, engatinhar, caminhar...);

- coordenação motora fina (manipular objetos que exijam destreza manual);

- comunicação não verbal e verbal (apontar, falar...);

- habilidades sociais (relacionamento e interação com outras pessoas);

- capacidade de autocuidado (alimentar-se, vestir-se...).

 

Pesquisas apontam que entre 10% e 15% das crianças com menos de três anos apresentam atrasos no desenvolvimento, por isso, o início de terapias adequadas, se faz necessário, precocemente, para reduzir impactos ao longo do desenvolvimento neuropsicomotor.

IMAGEM 2.jpg